A Polícia Militar prendeu e apresentou na Delegacia da Polícia Civil de Teixeira de Freitas (DEPOL), nesta terça-feira, dia (17 de janeiro), Aderaldo Deolindo, de 51 anos, acusado de aplicar o chamado golpe do consórcio, em nome do Consórcio Nacional Honda, da empresa Moto Nanuque.
Três vítimas do golpe compareceram à delegacia e prestaram queixa afirmando que foram vítimas do golpe por parte de Aderaldo, que já teria inclusive se apossado das primeiras prestações dos clientes, dizendo que o carnê chegaria em suas respectivas residências, para que os pagamentos continuassem sendo efetuados.

Para aplicar o golpe, Aderaldo teria se apossado de uma folha da empresa Moto Nanuque, onde uma pessoa próxima a ele trabalharia e em seguida feito diversas cópias para praticar os golpes.

Segundo relatos das vítimas, pelo menos quatro pessoas teriam caído na lábia de Aderaldo, sendo que duas delas trabalhariam no Supermercado Casagrande e as outras duas são promotoras de venda.

Aderaldo é ex-funcionário da Moto Sul Honda, e assim como as testemunhas, foi ouvido pela delegada Andressa Carvalho, que instaurou procedimento para apurar o crime, e saber se outras pessoas teriam sido vítimas do golpe.

0 COMENTARIOS:

 
Top